Eu sempre digo: não confie no seu dedo do meio!